Cavaleiros do Zodíaco


The Lost Canvas


Esta saga ocorre a 243 anos atrás, no século 18, na Europa e conta a antiga Guerra Santa contra Hades. A saga dá destaque ao antigo Cavaleiro de Bronze de Pégaso, Tenma que é orfão como Seya e tem uma ligação muito forte com Alone, pessoa escolhida para abrigar a alma de Hades, e com Sasha, a reencarnação de Atena, que viviam no mesmo orfanato.

É com essa ligação entre os três que a história se desenvolve, das tentativas de Alone em derrotar Sasha e de Tenma tentando recuperar o velho amigo. No desenrolar da história, o cavaleiro de Pégaso, Tenma tem a ajuda do cavaleiro de bronze de Unicórnio que se chama Yato, a Amazona de Prata Yuzuhira de Grou e dos 12 cavaleiros de Ouro, que vão surgindo durante a saga para realizar missões especiais para derrotar o exército de espectros e Hades. Porém, além dos 108 espectros, Hades também conta com a ajuda de Pandora e do deus do sono, Hypnos para eliminar a raça humana, pois Alone considera a morte uma salvação e por isso resolve criar o Lost Canvas, com a pretenção de atrair todas as almas do mundo para ela.
Essa nova série é desenhada de modo diferente da história original dos Cavaleiros do Zodíaco, mas ainda mantém um traço bonito e com uma animação que Saint Seiya nunca viu antes.